Foto: Divulgação Da Maya Espaço Cultural

ARTE SESC e DA MAYA ESPAÇO CULTURAL promovem exposição do ACERVO DO MACRS em BAGÉ

A mostra recentemente foi agraciada com o Prêmio Especial do Júri do 7º Açorianos de Artes Plásticas

A partir do dia 06 de setembro de 2013, a comunidade de Bagé terá a oportunidade de conferir a exposição “A Medida do Gesto – Um panorama do acervo do MACRS” que recentemente recebeu o Prêmio Especial do Júri do 7º Açorianos de Artes Plásticas. A visitação estará aberta de segunda a sexta-feira, das 14h às 18h30min, e aos sábados, das 15h às 19hs no Da Maya Espaço Cultural, localizada na Av. General Osório, 572. A mostra é uma realização conjunta do Arte Sesc – Cultura por toda parte e do Museu da Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MACRS).  

Bagé é o segundo município do Estado a receber a exposição que apresenta um panorama do acervo do MACRS e que foi criada com o objetivo de fundamentar e discutir, em termos teóricos e práticos, a atuação do profissional em artes visuais, bem como difundir a arte contemporânea brasileira. A visitação encerra no dia 19 de outubro de 2013. Após, a mostra segue para o Museu de Artes Visuais Ruth Schneider, em Passo Fundo. A itinerância é resultante da parceria firmada entre a Secretaria Estadual de Cultura e o Sistema Fecomércio-RS/ Sesc.

Outras informações podem ser obtidas no Sesc Bagé, localizado na Rua Barão do Triunfo, 1280 ou pelo telefone (53) 3242.7600 e também diretamente com o MACRS, através do telefone (51) 3221 5900 e e-mail mac@sedac.rs,gov.br, para entrevistas inclusive.

Sobre a exposição - “A Medida do Gesto – Um panorama do acervo do MAC”, sob curadoria geral da professora Ana Maria Albani de Carvalho, é um projeto de pesquisa e difusão tendo o acervo do Museu como foco de trabalho. Primeiro no nível universitário, já que estudantes do Laboratório de Museografia do Instituto de Artes (IA/UFRGS) acompanharam todos os passos para ver como se faz uma exposição. Na segunda etapa, de itinerância, o objetivo é reunir professores de artes das redes de ensino para discutir em centros regionais o que é uma exposição de arte, desde a curadoria, a pesquisa de acervo, convites e divulgação, bem como o primeiro projeto de ação educativa do acervo, com curadoria da arte-educadora Alice Bemvenuti, que o  Museu realiza para um público mais amplo.

Para saber mais:

A MEDIDA DO GESTO E A MEDIDA DO GESTO COMO PRETEXTO

A exposição que chega à Bagé através da parceria entre o SESC e o Da Maya Espaço Cultural pode ser um disparador de uma série de atividades que tem como objetivo enfocar a produção artística contemporânea e sua infinita miríade de relações. Há muito no que se pensar e fazer quando um espaço cultural no extremo sul do Brasil recebe uma amostra do que se produziu dentro dessa ampla cobertura que a marca “contemporânea” traz à arte de gerações de artistas e seus trabalhos no contexto do Rio Grande do Sul. Aqui, a exposição que ocupa o Da Maya é sim, um pretexto. Um pretexto para penetrar além das opiniões sedimentadas que passam desde os critérios de gosto até as condições de inserção do pensamento posto nessa produção dentro do contexto escolar (educacional). Parte destas atividades já é contemplada a partir das ações que acompanham a mostra onde se inclui um encontro com a curadora e uma oficina pedagógica. No entanto, essa é uma oportunidade valiosa para produzir atividades que problematizem a presença da arte contemporânea dentro da escola e suas especificidades e discutir as próprias produções que por si só já são proprietárias de uma história que dá conta de inventariar marcos e vestígios nesta trajetória.
Estas atividades apontam para dois objetivos principais: o primeiro une-se ao Da Maya como catalisador de um trabalho que se apoia na rede formada por escolas, professores, alunos e (comunidade em geral). Compreendermos que somos um lugar de produção e circulação de saberes que partem do campo artístico, mas que ressoam na vida cotidiana, nos coloca como parceiro da ação diária de professores (educadores) interessados em produzir compreensões do mundo a partir da arte. O segundo objetivo toca no primeiro para se expandir na necessidade constante de ser um produtor de informação e conhecimento para o público em geral que visita a “a casa da Osório”. São muitos os públicos de uma exposição e diferente seus objetivos a transitarem por um espaço de arte, no entanto, estes lugares podem ser propositores e a partir destas proposições garantirem-se como espaço de conhecimento indispensável a qualquer comunidade que compreenda que o mundo vai além daquilo que o diário, imediato e cotidiano pode oferecer e pode ser  acessado, mudado e ressignificado a partir do olhar mais demorado e provocador que a arte contemporânea pode oferecer. 

Igor Simões
Curador Educativo do Da Maya Espaço Cultural

ATIVIDADES EDUCATIVAS SIMULTÂNEAS: 
1 - Nada do que sabíamos até então: A arte a partir da década de 60 do século XX
Ministrante: Prof. Igor Simões
- Professor assistente de História Teoria e Crítica da Arte e Metodologia e prática do Ensino da Arte- UERGS; membro da Ação Educativa UERGS-MARGS, curador educativo do Da Maya Espaço Cultural.
Data: 27 de agosto
Horário: 9h30min às 11h30min

2 A medida do Gesto Curadoria e Expografia
Ministrante: Ana Maria Albani de Carvalho
Doutora em Artes Visuais - história, teoria e crítica e professora dos cursos de bacharelado em Artes Visuais e história da Arte do Instituto de Artes do UFRGS, nos quais é responsável pelas disciplinas de Laboratório de Museografia e de Expografia. Coordena o Programa de Pós-graduação em Artes Visuais da UFRGS, desenvolvendo pesquisas e orientando projetos referentes aos temas de curadoria, sistema de artes mercado. Atua como curadora desde os anos 90, tendo coordenado a galeria da Pinacoteca Barão de Santo Ângelo/ IA URFGS e realizado exposições, como curadora, em instituições como a Fundação Vera Chaves Barcellos, Fundação Iberê Camargo, Santander Cultural, MARGS, MACRS, entre outros.
Data: 06 de setembro
Horário: 9h às 12hs

3 - Ensino Contemporâneo de Arte: Arte contemporânea e possibilidades na escola
Ministrante: Prof. Carmen Capra
- Professor assistente de História Teoria e Crítica da Arte e Metodologia e prática do Ensino da Arte- UERGS; membro da Ação Educativa UERGS-MARGS, doutoranda em Educação- FACED- UFRGS.
Data: 09 de setembro
Horário: 9h30min às 11h 30min.

4 - Oficina Pedagógica – Aprendizagens Possíveis em Arte Contemporânea
Ministrante: Alice Benvenuti
 - Mestre em Artes Visuais- História, Teoria e Crítica de Arte- UFRGS, Mestranda em Museologia- USP, Pesquisadora em Educação em Museus, Arte-educadora, Artista plástica, Coordenadora da 1º Região Museológica do SEM/RS, Coordenadora do Colegiado Estadual de Museus RS e Membro do CECA/COM e do Conselho da REM/RS.
Data: 19 de setembro
Horário: 14h às 17hs


5- Arte contemporânea - Alguns marcos e artistas
Ministrante: Prof. Mariana Silva da Silva
Possui Bacharelado em Artes Plásticas, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2000) e Mestrado em Artes Visuais, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2005), ênfase Poéticas Visuais. Atualmente é Professora Assistente na Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs).Tem experiência na área de Artes, atuando principalmente nos seguintes temas: processos e conceitos da arte contemporânea, imagem fotográfica, desenho, gestos do contato. - Artista visual, Professora de poéticas visuais. Membro da Ação Educativa UERGS-MARGS.
Data: 08 de outubro
Horário: 14h às 16hs


SERVIÇO:

Onde:


DA MAYA ESPAÇO CULTURAL

Avenida General Osório, 572
Centro - Bagé/RS  –  CEP  96400-100

O quê:
A MEDIDA DO GESTO – UM PANORAMA DO ACERVO MACRS
Curadoria geral: ANA MARIA ALBANI DE CARVALHO

Artistas:
Alexandre Antunes, Alfredo Nicolaiewsky, Berenice Unikowsky, Carlos Alberto Mayer, Edmilson Vasconcelos, Eleonora Fabre, Élida Tessler, Elton Manganelli, Esther Bianco, Frantz, Gelson Radaelli, Gisela Waetge, Heloísa Crocco, Henrique Fuhro, Jader Siqueira, Jailton Moreira, Klaudiusz Kowoll, Lenir de Miranda, Luiz Alcione, Marilice Corona, Mario Röhnelt, Michael Chapman, Nilza Haertel, Otto Sulzbach, Plínio Benhardt, Rogério Prestes de Prestes, Romanita Disconzi, Rosali Plentz e Teresa Poester.

Quando:

Abertura da exposição:
Dia 05 de setembro de 2013, quinta-feira, das 19h às 21h.
Visitação de 06 de setembro a 19 de outubro de 2013.
Horário: De segunda a sexta-feira, das 14h às 18h30min, sábados, das 15h às 19h.

Informações e agendamento de escolas:

+55 53 3311 1874 ou 33111471


Para cada palestra 40 vagas serão disponibilizadas.

facebook.com/contemporanears


ENTRADA FRANCA